12.8.17

"Diário de Bordo" é cancelado e apresentador decreta: "Não trabalho com rede instável"

Luiiz Sherazade chocou o grupo com as revelações, mas já está em duas emissoras


Para quem estava ansioso pelo programa "Diário de Bordo", comandado por Luiiz Sherazade e que faria a sua estreia amanhã, dia 12, acabou se decepcionando. É que o autor, em uma nota de esclarecimento — duas, na verdade — rasgou o contrato que tinha com a TVN, emissora de João Carvalho e Vítor Abou, afiliada a MegaPro. Os pedacinhos do papel voaram e foram parar na mesa da WebMundi, que não perdeu tempo: "Estamos de portas abertas".




"Diário de Bordo" teve o seu piloto exibido na outra semana, no qual trazia Rynaldo Nascimento falando sobre "Inimigo Íntimo", entretanto rolou um tiro vindo das dependências da TVN — no caso, Megapro — e os estilhaços puderam ser conferidos no grupo BDZ.

"[...]saí da rede por que (sic) as senhoritas Joãozinha (sic) e Abou avisaram no grupo que iriam sair da TVN final do ano, por conta que dentro do GRUPO MEGAPRO existia COBRAS. E sim gente, me revoltei, pq (sic) como irei trabalhar em uma rede instável, que não sabe nem se vai existir do final do ano pra frente?", disse ele, que ainda completou:

"E se a rede fosse finalizada? Minhas obras estariam no AR. E seria simplesmente obrigado a cancelar elas e faltar com o publico que eu sei que iria ler. Tudo isso por falta de compromisso e maturidade desses dois diretores?"

M1 é cancelado e TVN é chamada de 'xuxa park'


A situação se agravou, porque, segundo Luiiz Sherazade, o presidente da MegaPro cancelou o M1 — site de notícias que ganharia reformulação — por achar que o apresentador de "Diário de Bordo" havia falado mal da MegaPro para a imprensa, o que, até onde minha equipe pôde apurar — não deu para descer mais, o buraco era mais embaixo — não aconteceu.




"[...] depois de MESES, não foram dias, FORAM MESES, vim me informar que EU, (sic) estava falando mal do GRUPO para a Zih. (Já que não tenho direito de falar da "xuxa Park") vim me informar que o M1 foi cancelado pelo GRUPO! [...] Quem não abaixa a cabeça para seus diretores A-FI-LIA-DOS (sic), você joga todo o seu compromisso com a pessoa?"



LEIA MAIS: TVN cancela novela de Rynaldo Nascimento; acompanhe!
LEIA MAIS: Novela de Ramon Fernandes estreia na TVN

Procurado para esclarecer ainda mais a nota esclarecida, Luiiz Sherazade deixou claro a sua indignação pela TVN e pela acusação infundada que recebeu do grupo MegaPro. Essa não é a primeira vez que o autor deixa uma emissora. Em abril, ele largou a direção da XD — também da Megapro — pelo mesmo motivo: falta de compromisso.

Já João Carvalho foi bem econômico — achei que viria o novo testamento —  e limitou-se a dizer que o Vítor Abou deixará a emissora e que, assim, o futuro do canal estará nas mãos da presidência.
"Porém o autor Luiz Sherazade não reagiu bem a mudança na administração e saiu falando o que quis", garantiu, depois afirmou que seguiria na direção do canal.

Sobre essa situação, só tenho algo a dizer: que coisa, não?

UP e WebTV adquirem projetos cancelados da TVN

Ninguém precisa protestar pelo fim de "Diário de Bordo", pois o programa será exibido pela WebTV. A proposta é semelhante ao Vídeo Show, com uma entrevista sobre a obra atual do convidado — uma forma de ajudar na divulgação — e notícias sobre as obras do MV.

A WebTV também exibe o "Papo com o Autor", sob o comando de Carlos Lira, mas a proposta é diferente: uma entrevista sobre as obras do convidado, para conhecer sua trajetória, suas produções favoritas e ainda falar bem e desabafar sobre alguma situação, autor ou emissora.

E a novela "Força Maior", que estrearia em setembro, já está de casa nova: UP. Luiiz Sherazade foi procurado pela equipe e seduzido com uns cifrõe$.

Sobre o M1, Sherazade deixou claro que o blog voltará o mais rápido possível. "Por que (sic) as coisas vão movimentar nesse MV. PODE TER CERTEZA!"


É isso, gente. Tenham todos uma excelente boa noite.



0 comentários: